domingo, 30 de maio de 2010

Chegou ao Fim

Tive de deixar,
Larguei o que nunca tive,
Simplismente esqueci,
Depois da dor se sobrevive,
Sou que devia ser,
Voltei a ser irreal,
Depois da noite vem o amanhecer,
Cada novo sorriso é meu ideal;

Se fosse pra sofrer
Não existiria felicidade,
A alegria nasce do amor
De um amigo de verdade,
Uma flor a desabrochar,
O calor do sol sobre mim,
Ou o suave som da chuva,
Molhando a grama no jardim;

São os pequenos milagres,
Que fazem a vida girar,
A esperança vem de dentro,
Não de qualquer lugar,
Desperte essa luz,
Ache seu caminho,
Quando você aprende a viver,
Nunca mais vive sozinho.
[Nunes]


E só pra não deixar este post muito sério uma imagem sobre a amizade:


Um comentário:

Cléo disse...

Vinícius!
Você é um escritor de verdade! Sabe rimar e colocar as palavras no lugar e momento certos. Parabéns, você é incrível amigo! Siga em frente.
Abraços!